quinta-feira, fevereiro 24, 2005

Alma

"Esforça-te, sim, e pensa que não és tu que és mortal, mas este corpo; nem tão pouco és aquele que esses contornos definem, mas a alma de cada um é ele mesmo, e não é figura, que se pode apontar com o dedo. Fica sabendo, portanto, que és um ser divino, se na verdade é um ser divino aquilo que é dotado de vigor, de sensações, de memória, de prudência, que rege e modera e move aquele corpo em quem manda, tal como o deus máximo faz ao mundo, e tal como esse deus eterno move um mundo que em parte é mortal, assim a alma imortal move um corpo que é frágil."
Cícero, De republica, VI.24