quinta-feira, maio 05, 2005

Vestígios romanos em Portimão

Mais de quatro séculos depois de terem sido travadas intensas batalhas na costa algarvia, uma equipa de investigadores luso-americana, numa acção inédita no nosso país, ao conciliar especialistas de várias áreas e meios tecnológicos, partiu à descoberta de vestígios de naufrágios a cerca de 350 metros de profundidade na zona do Canhão de Portimão devido ao seu interesse arqueológico.No último dia dos trabalhos, que se prolongaram por uma semana, poderão ter sido detectados, através de um sofisticado mini-submarino, vestígios de possíveis naufrágios. Os investigadores admitem a eventualidade de se tratar de restos de embarcações romanas e ainda dos séculos XVI ou XVII, mas não chegaram a identificá-los de forma indubitável. É que, problemas relacionados com a falta de visibilidade no fundo do mar e uma forte ondulação, obrigaram à suspensão dos trabalhos, os quais só em meados de 2005 deverão ser retomados.